domingo, 1 de junho de 2008

Santo Ovídio




O miradouro de Santo Ovídio, onde podemos observar em plenitude o concelho de Ponte de Lima a perder-se no horizonte continua, apesar dos esforços de requalificação, com a criação de um parque de merendas e melhores acessos, aquém das suas potencialidades. Este miradouro, apesar de ter características diferentes do miradouro do Monte da Madalena pela escala, vegetação, rudeza e topografia mais acidentada, é daqui que podemos, em minha opinião, obter a melhor panorâmica.
Ao longo da sua história nunca recebeu o mesmo tratamento depositado no Monte da Madalena. Foi utilizado como base de antenas várias e onde nem a capela escapa. As condições para a uma subida confortável estão criadas assim como a boa sinalização de que goza (na confluência de vias de acesso à vila). Contendo vários motivos de interesse patrimonial e imaterial como a antiquíssima capela, castros, sepulturas, as festas anuais e obviamente a vista, talvez esteja na altura de Arcozelo apostar num parque-miradouro que possa retirar o seu verdadeiro potencial. Como é difícil fixar o visitante apenas através das vistas, torna-se essencial a criação de condições através da oferta de um pequeno equipamento (bar/restaurante panorâmico, etc.), tratamento do espaço exterior enquadrando o núcleo da capela de forma mais equilibrada e sobretudo a deslocalização ou suavização do impacto das antenas.

2 comentários:

numa disse...

Há uma diferença em relação à Madalena que me parece importante. Enquanto nesta ultima a "jurisdição" é apenas de uma Junta de Freguesia, S. Ovídeo pertence a duas freguesias o que é um entrave para qualquer intervenção no local...

Infelizmente as "capelinhas" ainda parecem ser uma realidade.

Eis um forte motivo para ser a Câmara Municipal a promotora de qualquer intervenção.

André disse...

É pena quando não existem pensamentos e ideias concertadas em prol de uma obra em que todos ganhariam. Desta forma o monte continuará com todas as preciosidades à espera de serem mais bem exploradas um dia.